Joinville, uma cidade repleta de história e cultura

01 de março

Joinville, uma cidade repleta de história e cultura

Você conhece a história de Joinville? Localizada ao norte de Santa Catarina, a cidade é a maior do estado, ganhando até da capital Florianópolis. Com quase 600 mil habitantes, o município conhecido como “Cidade dos Príncipes” é repleto de lendas, histórias e pontos turísticos que valem a pena ser visitados. Para você que ainda não teve a oportunidade de conhecer Joinville ou é apaixonado pela cidade, trazemos um pouco de sua rica história e curiosidades que com certeza vão fazer você querer visitar a região o mais rápido possível.

 

Cidade dos príncipes

 

As terras que já tiveram o nome de Colônia Dona Francisca e que hoje são a cidade de Joinville, eram parte do dote da princesa Francisca Carolina, que se casou com o príncipe de Joinville, François Ferdinand Phillipe Louis Marie. É por conta de sua origem, com um pézinho na realeza, que o município é até hoje conhecido como “Cidade dos Príncipes”.

Uma curiosidade interessante sobre essa história de príncipes e princesas, é que a própria Dona Francisca Carolina jamais pisou nas terras que faziam parte de seu dote. Assim que ela se casou com o príncipe, eles se mudaram para a França e não voltaram mais ao Brasil. Mesmo assim, a história faz parte do imaginário de todo mundo que mora em Joinville ou que conheceu a cidade.

 

A Colonização

 

A colonização de Joinville foi feita por imigrantes alemães. Eles desembarcaram na Colônia Dona Francisca em 9 de março de 1851, data em que se comemora o aniversário da cidade. Segundo relatos da época, cerca de 118 pessoas chegaram ao local a bordo da barca Colon e desembarcaram às margens do rio cachoeira. Naquela época pouco era habitado e a mata ainda era virgem. Mas engana-se quem pensa que os alemães chegaram a uma terra completamente deserta. As terras da Colônia Dona Francisca, faziam parte anteriormente de São Francisco do Sul e, por isso, algumas famílias luso-brasileiras já estavam no local e tinham ali suas fazendas desde o século 18. Índios guaranis e xoclengues também já habitavam o lugar.

Mesmo assim, foi a partir da chegada dos alemães que teve início a história da cidade de Joinville.

 

A influência germânica

 

Quem mora ou já visitou Joinville com certeza notou que a influência alemã é muito forte na cidade. A arquitetura, por exemplo, é muito marcada por casas construídas no estilo enxaimel - com paredes montadas com hastes de madeira que são encaixadas entre si. Esse tipo de construção é muito comum na Alemanha e foi trazida para a cidade pelos colonos que aqui chegaram. Assim como a arquitetura, a culinária também é recheada de influências alemãs. Muitos dos pratos encontrados nos restaurantes da cidade são pratos tipicamente germânicos como o Marreco ao Forno de Lenha, o Eisbein, o Kassler e a deliciosa cuca. Essas iguarias são encontradas em vários restaurantes na cidade, que também oferecem deliciosos cafés coloniais.

 

A Natureza

 

Se engana quem pensa que somente o centro urbano de Joinville chama atenção. O seu entorno também conta com belezas naturais encantadoras. A serra Dona Francisca, por exemplo, é um dos cartões postais do norte de Santa Catarina e parada certa para turistas de todo o país. Se você quer aproveitar a natureza e relaxar nas suas próximas férias, você precisa conhecer o Hotel Fazenda Dona Francisca. Localizado pertinho de Joinville, o local conta com muito verde, piscinas, tirolesa, trilha e diversão para todas as idades.  Além disso, nosso buffet completo combina culinária típica com comida feita em casa e gostinho de fazenda. Entre em contato para receber todas as nossas novidades e promoções.